08 fevereiro 2016

3 Coisas que seu esposo precisa saber sobre a INTIMIDADE



Qualquer pessoa casada sabe que homens e mulheres definem centenas de palavras de forma diferente, e na maioria dos casos, de forma muito diferente.

Esposas - "proximidade", "conexão", "unidade", "proximidade emocional"
Maridos - "sexo"

Ao se aprofundar, a palavra "sexo" pode ser expandida para significar unidade física ou proximidade.
Nossa cultura quase sempre associa a intimidade com o sexo, por isso não é de admirar que os homens o façam também. A verdade é que todas as respostas dadas acima são corretas. Onde os casais ficam aquém é por mal-entendido ou por não apreciar a definição do outro cônjuge.
Assim, para os homens que leem este artigo, aqui está um breve resumo do que você precisa saber sobre a definição de sua esposa (e expectativa dela) de intimidade.

1. Intimidade não é sinônimo de sexo

Intimidade concedida pode chegar ao sexo, mas para a maioria das mulheres intimidade não é definida por fazer amor. Para ela, a intimidade significa proximidade. "Eu me sinto emocionalmente perto do meu marido" é a definição que na maioria das vezes começa a partir de esposas.
O que "estar emocionalmente perto" significa em termos práticos :

Passamos tempo juntos.
Conversamos sobre os problemas.
Importo-me com o que está acontecendo em sua vida.
Sinto que ela me ama e me valoriza.
Sinto-me seguro em nosso relacionamento.
Eu me sinto amado.
Eu me sinto conectado.

Essas coisas acontecem em uma forma de contato não sexual, processando a vida e as questões e conectando-se como amigos (mais do que colegas de quarto ou parceiros de negócios).

2. As esposas não têm bloqueadores de pop-up

Um marido típico pode voltar para casa depois de um dia horrível no trabalho, ter atropelado um cachorro em seu trajeto, com uma dor de cabeça e um profundo desejo de afundar-se em sua cadeira favorita, e ainda assim estar instantaneamente disposto para o sexo, se ele for recebido por sua esposa vestida com um vestidinho preto e a informação de que as crianças estão jantando na casa dos avós.
Já as mulheres, por outro lado, teriam a necessidade de falar sobre o seu dia horrível e processar seus sentimentos sobre ele. Chorar um pouco sobre o pobre cão que correu na frente de seu carro, tomar um remédio para dor de cabeça e descansar.
Se você recebê-la pronto para fazer amor - não haverá absolutamente nenhum desejo ardente que magicamente brotará nela. Ela não pode bloquear todos os eventos e assuntos relacionais de seu dia como um homem faz. Mais uma vez - isso leva tempo, compreensão, conversação e processamento.

3. A pornografia destrói o verdadeiro amor

covenanteyes.com , dizem que 9 em cada 10 homens estão expostos à pornografia antes que cheguem aos 18 anos. De acordo com covenanteyes.com , 68 por cento dos homens em idade universitária veem pornografia regularmente. As mulheres retratadas sempre estão desejosas, gostam muito de sexo e estão muito satisfeitas com o seu parceiro.
Isso acarreta muitos problemas para os homens, mais especialmente quando se tornam expectativas. Os maridos criam a expectativa de experimentar alguns dos "sentimentos retratados" vindo de suas próprias esposas. Quando não acontece, eles inconscientemente se sentem menosprezados e se tornam mais emocionalmente distantes de suas esposas, o que leva a mais pornografia, que leva a mais decepção e distância emocional - um ciclo muito cruel e que mata a intimidade.

Moral da história?

Passe grandes quantidades de tempo com a sua esposa. Sentem-se e conversem, saiam para uma caminhada de mãos dadas, corteje-a, conquiste-a, faça-a se sentir especial, amada e estimada. Fale com ela sobre o seu dia, suas ansiedades, medos e sonhos. Ajude-a nas tarefas domésticas e com as crianças. Facilite seus fardos. Alivie suas cargas.
Não espere que ela deseje atender sua necessidade de intimidade física até que você tome o tempo e esforço para atender à necessidade de intimidade emocional dela em primeiro lugar. Isso é o que um líder faz. Isso é o que estabelece a sua vida em outros significados.
Isso é o que Jesus fez por nós, independentemente da nossa atitude e sem esperar nada em retorno. Não seja tão egoísta a ponto de só servir, amar e ajudar quando você quer sexo.
Fuja da pornografia se você está começando a usar ou já o faz regularmente. Busque um terapeuta ou até mesmo um programa formal de tratamento, se necessário. Vale a pena. O seu casamento, seus filhos, seu legado - valem a pena. Não deixe que o inimigo destrua a sua vida e sua casa.
Se aprender a fazer isso, você vai ter o casamento que sempre quis.

Rob Thorpe


fevereiro 08, 2016 / by / 1 Comentários

Sugestões de presentes - Afiliados.